13 de maio de 2012

Histórias de muitos anos...


Tenho um gosto, fotografar árvores. Me encanta captar suas nervuras, fissuras, cores, texturas, tombamentos, histórias. Esta me diz que, mesmo caída, embeleza o mundo. E eu fotografo. Através da lente, ela sobrevive e continuar a contar histórias de amor, de conquistas, de abandonos, de tristezas e superações. O quanto ela viu enquanto viveu. O quanto ela vê na sobrevida. Muitas vezes operamos milagres por meio da fotografia. Alguns escolhem música, desenho. Eu escolho o click.

Um comentário:

A VIDA NUMA GOA disse...

Linda esta.

Também eu gosto um bocado.