19 de novembro de 2010

Há quem não goste de Natal...além de mim?


Não costumava ser assim, mas acho que com os tempos, o alto consumismo, a idade, passei a não gostar do Natal. A lembrança mais terna que ficou foi montar o trenó do Papai Noel com suas renas. As renas passavam o ano todo guardadas em algum armário. E em dezembro apareciam, lindas, iluminadas, felizes. Se eu pudesse, pegava um avião e passava dezembro, janeiro e fevereiro viajando por países ermos. Natal, Ano Novo e Carnaval ninguém merece, pelo menos eu não mereço. Quem sabe, nesta vida, eu ainda possa me dar de presente uma temporada criativa, 3 meses de viagem, trazendo na bagagem muitas novidades e negócios? Nada que não possa começar agora...

2 comentários:

Rita Braune disse...

E eu adoraria ficar distante da fornália do verão carioca nesta época.
Bjssssss

mirando el sur disse...

Ir para longe até para o Infinito
Não tira de nossos ombros a responsabilidade de ser simplesmente humanos,o Coração palpita em qualquer tempo e Lugar .Sem dar um único passo vá em direção de seu Futuro...vá com calma e muita , muita fé...............Acredite pois voçê conseguirá.................