21 de setembro de 2010

Vrikshásana, a postura da árvore


Quando costumava praticar a Kundalini Yoga, uma das posições que mais gostava era a Vrikshásana, que é um dos primeiros ásanas. Ficar sobre um pé só, em equilíbrio, exposto aos elementos da natureza, fazia parte da prática yogika dos rishis (sábios) vêdicos. Particularmente, para mim, significava ficar de pé diante da vida, integrada aos elementos, apesar de todas as diversidades do mundo externo. Naga-Asana, ou Bhujanasana, era outra posição favorita, a posição da cobra. Com ela, aumentava a força e a flexibilidade da coluna e massageava os órgãos abdominais. Agora, nessa vida louca, de exercícios cerebrais intermináveis, o que me salva é a bicicleta.


Um comentário:

Nelida Capela disse...

Essa é a homenagem do Olhar Nômade ao Dia da Árvore!