27 de fevereiro de 2009

Vishuddha Chakra - O Grande Chakra da Verdade

O Vishuddha Chakra é o quinto centro de força. Está localizado na base da garganta. No nível físico controla a atividade das cordas vocais, a audição, a faringe, o esôfago, as glândulas tireóides e paratireóides . Este chakra é a nossa fonte de expressão criativa permitindo que nos comuniquemos em todos os sentidos. O Vishuddha Chakra é a fonte que nos permite a passagem do mundo das idéias para o concreto, para a realização. Nossas mãos, por exemplo, são uma extensão tanto da 4º como do 5º Chakra. Se no Anahata Chakra as nossas mãos expressavam nossa capacidade de amar e de nos doar, no Vishuddha Chakra é a expressão de nossa capacidade de criação. Entretanto a natureza do Vishudhra não é produzir somente trabalhos manuais. É também o nosso conhecimento e intelecto. Pense em Vishuddha como a origem da própria simbologia que representa o pescoço onde a garganta é um desfiladeiro no qual tudo que é essencial tem que passar. O ar, o alimento, as ordens vindas da cabeça e as informações devolvidas de todas as partes do corpo passam por este estreito. O Vishuddha determina o que entra, o que sai e o que fica em nós. Determina tudo o que se torna uma realidade e o que permanece como um pensamento. Tudo o que se passa em nosso interior tornar - se uma realidade apenas se Vishuddha Chakra assim o permite. O Vidhuddha chackra é responsável pela forma que nos expressamos. Podemos controlá-lo para produzir a imagem que queremos transmitir de nós mesmos, ou seja, nossa capacidade de dizer ou agir do modo como queremos que os outros nos vejam. Por isso, pode-se dizer que o Vishuddha também abriga nossas márcaras ou como diziam os gregos antigos a “persona”. Uma das funções da persona era dar ao ator a aparência que o papel exigia. De persona deriva a palavra personagem. E por que agimos assim? Porque, na maioria das vezes somos condicionados a não ser, sentir ou fazer o que queremos. Um criador não pode ser subjulgado desta maneira, por isso temos a necessidade desse controle, principalmente porque essas são questões auto-impostas. Na maioria das vezes adotamos uma persona apenas para nos sentirmos seguros, aceitos ou para censurar nossas emoções. Quando tivermos consciencia que não viemos a esse mundo para experimentar somente coisas positivas, estaremos a um passo da liberdade que é sermos verdadeiros conosco mesmos. Por isso, assim como o Anahata Chakra é o grande centro energético do amor e compaixão, o Vishuddha é o grande chakra da verdade. Qualquer parte nossa que não consigamos enfrentar ergue uma barreira entre nós e a verdade. Entretanto, por mais que queiramos disfarçar ou dissimular algo, o Vishiddhra sempre dará um jeito de fazer com a verdade se faça presente, tanto pela linguagem não verbal com pela verbal, através do som de nossa voz.
(Texto de Sandra, retirado do site Navrattna - Lista Olhar para Dentro)

2 comentários:

Paulo Filemon disse...

Muito obrigado pela publicação, paz e luz!

Chakra Yog disse...

Awesome blog posted.