5 de dezembro de 2008

Lhasa de Sela

Quando ouço a voz de Lhasa de Sela, imagino uma mulher do tipo morena, de cabelos negros, sombrancelhas largas, traços fortes, vinda de um lugar como México, Espanha ou Argentina. Influência da capa do álbum Llorona. Não imaginava que ela fosse americana, loura, de traços delicados, nascida nos arredores de Nova Iorque e que morasse no Canadá. Seu domínio do idioma espanhol faz com que, ao ouvi-la, seja transportada para tempos míticos, fronteiras entre a fantasia e a realidade, viagem que faz bem a todos nós. Nós, seres humanos, gostamos de uma história bem contada. Lhasa é a trilha sonora para uma vida cheia de acontecimentos, fora do comum, com aventuras, quedas e ascensões, liberdade, fortitude, honestidade. Uma vida nada ordinária. A minha, a sua, nossas vidas num mundo que nos põem a toda prova, a cada segundo. Um bater de asas de um beija-flor. O nascer e o pôr-do-sol. Um abrir e fechar de olhos. Como estou poética esses dias...acho que é a vida voltando, o sangue correndo nas veias novamente. Para ouvir, baixem no Lime Wire. Para ver os vídeos, acessem o Youtube.
El Desierto
He venido al desierto pa' reirme de tu amor
Que el desierto es más tierno y la espina besa mejor
He venido a este centro de la nada pa' gritar
Que tú nunca mereciste lo que tanto quise dar
He venido yo corriendo, olvidándome de ti
Dame un beso pajarillo, no te asustes colibrí
He venido encendida al desierto pa' quemar
Porque el alma prende fuego cuando deja de amar

Pa'llegar hasta tu lado Gracias a tu cuerpo doy Por haberme esperado Tuve que perderme pa'llegar hasta tu lado Gracias a tus brazos doy Por haberme alcanzado Tuve que alejarme pa'llegar hasta tu lado Gracias a tus manos doy Por haberme aguantado Tuve que quemarme Pa'llegar hasta tu lado

Outras Letras de Lhasa

2 comentários:

Lobo da Caatinga (Canis lupus caatinguensis ssp,) disse...

Escuta essa... Coisas de Almas Ciganas... Buenas!!!


http://www.youtube.com/watch?v=dlKHTF6diHw

Lobo da Caatinga (Canis lupus caatinguensis ssp,) disse...
Este comentário foi removido pelo autor.